Movimento Maker: Porque a melhor forma de aprender é fazendo?
usuario

Publicado por Autotek

Movimento Maker: Porque a melhor forma de aprender é fazendo?


A educação teórica é fundamental para passar para os estudantes os conhecimentos necessários em sua formação. No entanto, se toda essa bagagem teórica não for aplicada na prática, o processo de ensino-aprendizagem pode ser prejudicado. O movimento Maker surge nessa perspectiva, buscando colocar o estudante no papel de protagonista da sua própria formação.

É importante ressalvar que dentro desse movimento Maker, a tecnologia tem um papel fundamental. Mas por si só ela não é capaz de fazerem as coisas acontecerem. É preciso que haja um envolvimento real das instituições e, principalmente, das pessoas, envolvidas no projeto.

Benefícios do movimento Maker 

Entre os benefícios que a educação promovida pelo movimento Maker podem trazer para a formação da estudante, destacam-se à possibilidade de absorver o conteúdo de forma mais eficaz, o desenvolvimento da capacidade de trabalhar em equipe e dividir tarefas e aperfeiçoamento das capacidades criativas, empreendedoras e de raciocínio lógico. Além disso, o movimento Maker ainda criar um ambiente propício para o fortalecimento da relação entre professores e alunos e prepara os jovens para os desafios do futuro.

Outro ponto importante do movimento Maker é que a resolução de problemas gerada a partir dos seus projetos pode ter um impacto social real, ou seja. Os alunos podem desenvolver, com o auxílio dos professores, soluções eficazes e criativas para o meio que estão inseridos.

O potencial para revolucionar e transformar a educação que o movimento Maker possui é gigantesco. A sociedade e os avanços que ela vem vivenciando em vários setores, tem exigido profissionais cada vez mais conectados com tudo o que acontece e capazes de aplicar seus conhecimentos de maneira práticas nas mais diversas situações. A sociedade está cada vez mais autônoma, questionadora e protagonista da sua história. É preciso que seus membros sejam capazes de seguir esses passos.

E aí? Você também acha que o movimento Maker pode revolucionar a Educação para melhor? Deixe sua opinião dos comentários.

Comentários